Alamos Cabernet Sauvignon – Catena Zapata

Sobre a Vinícola

Nome:

Alamos Cabernet Sauvignon - Catena Zapata

Localização:

A linha Alamos, de Catena Zapata, oferece algumas das maiores barganhas do
mundo do vinho. Este marcante Cabernet Sauvignon, é produzido a partir de
videiras plantadas em altitudes elevadas, que confere ao vinho elegância e
profundidade. Envelheceu por 9 meses em carvalho francês e americano. Ótimo
caráter varietal em um estilo fácil de gostar.

Alamos (Catena Zapata)
Indiscutivelmente o melhor e mais reverenciado produtor da Argentina, na opinião
unânime de toda a imprensa especializada internacional, de quem recebe sempre as
melhores notas e prêmios. Para a Wine Spectator, trata-se do “líder inquestionável de
qualidade na Argentina” e, para Parker, “Catena representa o máximo em vinhos da
América do Sul”. Sua criação máxima, o raro Nicolás Catena Zapata, é o melhor e mais
prestigiado vinho da Argentina, sem dúvida entre os grandes tintos do mundo. Seu
fantástico Catena Alta Malbec — “Vinho do Ano” para a Gula em 2005 e um dos “100
Melhores Vinhos do Mundo” para a Wine Spectator em 2006 — é o melhor Malbec do
país, de uma elegância e complexidade raramente encontradas na Argentina.

Dados Técnicos

Tipo:
TINTO
Uva(s):
Cabernet Sauvignon 100%
Região:
Mendoza
Safra:
Sob consulta
Teor Alc.:
12,5%vol.
Açúcar Residual:
Fermentação:
Amadurecimento:
Envelhecimento de 9 meses em 80% barricas francesas e 20% barricas americanas.

Recomendações de Serviço

Temperatura:
16 a 18ºC
Decanter:
NÃO

Degustação

Visual:
Vermelho Rubi
Aroma:
Maravilhoso toque terroso e um classicismo no final de boca que lembra um Bordeaux
Paladar:
sabor seco com taninos finos, leve e frutado
Corpo*:
Médio
*Corpo: Sensação de peso e força do vinho sentida na boca. Está relacionado a quantidade de álcool, ácidos, taninos (nos tintos) e açúcar (nos doces).

Sugestões de Harmonização

Carnes grelhadas sem muita gordura, massas e risottos.